Din Mica De Portugu S Para Concursos

Novo modelo tapete de entrevista com steve jobs

Apesar de dificuldades da implementação do planejamento na pequena organização, é necessário para ele, possivelmente, em uma medida maior, do que grande. O ambiente em tal organização entrega para controlar menos e é mais agressivo, do que a companhia principal tem, por isso, o futuro da empresa pequena mais vagamente e é imprevisível.

Contudo o poder exclusivo sobre a exigência é bastante movediço e não é de longo prazo como, especialmente, deu um exemplo. As forças de competição inevitavelmente surgem (assim, cada um as mercadorias podem ter substitutos de substitutos), de um lado, e atividade antimonopólia - com o outro contrariam o controle exclusivo sob a exigência.

Aplicando o planejamento, a firma elimina aqueles preços que pode ter se todas as ações na firma se fizeram com base em compra e venda. Depois que todo qualquer comércio (transação) acompanha-se por assim chamados preços transacionais: preços de pesquisas do comprador e/ou a negociação de vendedor sobre um sujeito da transação, taxa de consultores, etc. Cancelando as relações de compra e venda, a empresa elimina despesas adicionais. Executando a função administrativa unida com a gestão enérgica e tomada de decisão, o homem de negócios envolve-se no planejamento também no sentido mais estreito como uma espécie de atividade administrativa.

Firmas privadas novamente surgidas. O processo áspero de um da capital conduziu para aumentar e a complicação da atividade de muitas destas firmas, e também à emergência de outros fatores que criam necessidade de planejar formas, adequadas a uma economia de mercado moderna. O problema principal uniu-se com a aplicação do planejamento nesta esfera - a desconfiança ao planejamento formal baseado na opinião que o negócio é uma capacidade "para virar", corretamente guiar-se na situação atual, e daqui até a não o futuro realmente de longo prazo no Entanto muitas de firmas privadas principais começaram a atenção insuficiente, para criar divisões do planejamento ou, pelo menos, entrar na posição do planejador

- o equilíbrio - coordenação propositada das direções de uso de recursos com fontes da sua educação (recibo) em todo o sistema dos equilíbrios materiais, financeiros e de trabalho interligados;

O planejamento a médio prazo (de 2 para 3 anos) considera possibilidades de todas as divisões com base na sua própria avaliação. O plano da empresa do marketing, o plano da produção, o plano do trabalho e o plano financeiro desenvolvem-se.

Planejar - a etapa primeira e mais significante de processo de gestão. Com base no sistema dos planos criados pela firma a organização dos trabalhos planejados, a motivação do pessoal implicado para a sua realização, controle de resultados e a sua avaliação do ponto de vista de indicadores planejados executam-se novo de "pais" da gestão moderna que A. Fay Ol observou: "Funcionar deve esperar", e "esperar já é honra de trabalhar". O planejamento dele não é a capacidade simples de fornecer todas as ações necessárias. Ele também capacidade de esperar qualquer surpresa que pode surgir nisso e ser capaz de enfrentá-los. A firma não pode eliminar completamente o risco na atividade, mas é capaz para fazê-lo funcionar por meio da antecipação eficaz.

O planejamento de conceito da atividade da firma faz dois sentido. O primeiro - todo econômico, do ponto de vista da teoria geral de firma, a sua natureza. O segundo - concreto e administrativo. Aqui planejando de funções de gestão, capacidade de esperar o futuro da aceitação e usar esta antecipação. Ambos os partidos de planejamento unem-se estreitamente entre eles. A possibilidade do planejamento como da espécie concreta da atividade segue da natureza da firma, diretamente define-se pelas condições gerais da direção. Todo o material é uma exposição de caminhos concretos e os métodos do planejamento como de função administrativa. Mas para a compreensão séria do sentido do planejamento dele é necessário definir ambos dos seus partidos.

É possível formular a seguinte regra da definição de preços do planejamento: qualquer recurso adicional tem de passar-se só se criarem um efeito positivo. E, além disso, não deve empreender o desenvolvimento de tal plano que custam pode igualar preços da criação do melhor plano.